Quando Usar Faróis de Neblina, Milha e Auxiliares
3107
post-template-default,single,single-post,postid-3107,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-content-sidebar-responsive,columns-4,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1,vc_responsive
 

Quando Usar Faróis de Neblina, Milha e Auxiliares

Quando Usar Farois de Neblina

Quando Usar Faróis de Neblina, Milha e Auxiliares

QUANDO USAR FARÓIS DE NEBLINA – O carro possui vários tipos de faróis que auxiliam os motoristas em algum determinado momento, os mais utilizados são: farol de neblina, de milha e farol alto. Alguns condutores ainda têm dúvidas com relação a qual farol usar em diversos momentos.

Nesse sentido, a leitura desse artigo busca ajudar o motorista com relação ao seu entendimento sobre o uso dos faróis. A sua compreensão é fundamental para que ele faça o seu uso de forma correta, principalmente quando está guiando o veículo dentro da cidade ou nas estradas. Acompanhe:

Mais,Quando Usar Faróis de Neblina?Quando Usar Farois de Neblina

Algumas pessoas utilizam esse tipo de farol no carro por acharem que ele dar um arrojado no carro. Todavia, mais do que um acessório que enfeite o veículo, o farol de neblina tem uma finalidade muito importante.  O seu principal objetivo é ajudar o motorista na estrada, quando o caminho é escuro e neblinoso.

Em algumas situações, especificamente à noite, o motorista sente muita dificuldade de enxergar algum perigo que esteja à frente do carro, principalmente quando há a presença de névoa na estrada. Nessa situação é importante que ele acione os faróis de neblina para ter uma melhor visibilidade.

O tipo da luz proporcionada pelo farol de neblina não é nada semelhante à iluminação dos outros tipos de faróis. O seu jogo de luz possui abertura e ilumina deforma curta e larga, o que está muito perto do veículo, para que o motorista não corra o risco de se envolver em algum acidente.

Em situações onde não existe neblina o motorista não deve acionar o farol de neblina, pois como a sua luz é muito propagada ela acaba atrapalhando motoristas que também estão na estrada.

Farol de Milha

Diferente do farol de neblina, que serve para iluminar a estrada bem próxima ao carro, o farol de milha, que se localiza próximo aos faróis convencionais, ilumina o que está muito distante, para se ter uma ideia, um farol de milha clareia cerca de 1,6 km.

Você esta lendo: Quando Usar Faróis de Neblina, Milha e Auxiliares

Também vai gostar de ler: Como Definir uma Música Boa

O seu uso não exclui a função dos faróis tradicionais, pois só devem ser acionados quando realmente é preciso. O seu uso indevido, feito por alguns motoristas, pode ocasionar em multa, caso seja flagrado por algum policial rodoviário.

O que torna esse tipo de farol importante é a sua eficiência em clarear um ponto alvo, isso aumenta de forma precisa a visibilidade do motorista. Ao contrário do farol de neblina, que ilumina a frente e os lados do asfalto, a luz do farol de milha é posicionada para frente, destacando um ponto principal.

Como já dito, o farol de milha só deve ser usado em caso de extrema necessidade e quando não houver nenhum carro no sentido contrário.

Faróis auxiliares

O farol de neblina e o de milha são tipos de faróis atendidos como faróis auxiliares, eles são eficientes e ajudam o condutor quando realmente é preciso.  No entanto, algumas indústrias automobilísticas fabricam carros que além de possuir esses tipos de faróis auxiliares, possuem faróis de longo alcance, que servem para ajudar o motorista a ter melhor visibilidade quando os faróis altos tradicionais do carro deixam a desejar.

O farol de longo alcance é um tipo de farol que complementa o farol alto e não deixa o motorista na mão, ele ilumina até 400 metros de distância.

Como regular as lâmpadas dos faróis

Os faróis de milha possuem uma duração de até 400 horas de uso. Após esse período, a sua eficiência já não é mais garantida e a sua lâmpada deve ser substituída. O valor dessas lâmpadas é bem baixo, custam entre cinco e quarenta reais.

O farol de neblina sempre deve ser regulado para baixo, direcionado para o chão, a no máximo um metro a frente do veículo. Isso assegura que o motorista irá ter boa visão e segurança em dirigir em estradas com neblina.

Uma boa dica no caso dos faróis de neblina é regulá-los sempre quando o carro for fazer alguma manutenção. Às vezes, uma simples substituição de pneus, amortecedor, uma alinhagem ou uma substituição de lâmpadas pode tirar o farol de prumo e deixa-lo desregulado, o que irá fazer com que ele não funcione corretamente.

Resumindo

Quando Usar Faróis de Neblina, Milha e Auxiliares? Os faróis de neblina, de milha e auxiliares servem para auxiliar a visão do motorista quando os faróis tradicionais não dão conta do recado.  Eles devem ser usados, especificamente, em estradas a noite quando houver neblina e muito pouco tráfego de carro, pois como a sua iluminação, especialmente do farol de milha, é intensa pode atrapalhar de forma significativa a direção de quem vem guiando o carro em sentido contrário. Isso, ao invés de ajudar, pode causar uma grave colisão ou um acidente na estrada.

É importante saber que esses tipos de faróis não existem para enfeitar o carro, eles tem uma finalidade própria e devem ser usados com responsabilidade.

E você tem alguma dica de Quando Usar Faróis de Neblina? Deixe seu comentário abaixo. Se gostou da leitura compartilhe nas suas redes sociais.

No Comments

Post A Comment